Carregando...
 

Atribuições de ISSN

Autor:   Published At: Ter 10 de Abr, 2012 17:26 BRT  (1818 Leituras)

Você sabe como solicitar o ISSN?

Na dica sobre periódico, informamos que o International Standard Serial Number (ISSN) é um número de identificação única, internacionalmente reconhecido para publicações seriadas que, uma vez atribuído, torna-se único e definitivo. Hoje, falaremos mais sobre a sua utilização.
O ISSN é um número-padrão composto de oito dígitos, incluindo um dígito verificador. No Ministério da Saúde, a área responsável por atribuir o número de ISSN é a Coordenação de Gestão Editorial/Editora MS.
Para a aquisição, é necessário que a área autora do periódico envie um memorando com Termo de Referência solicitando o número de ISSN à Coordenação-Geral de Documentação e Informação (CGDI/SAA), que encaminhará à Editora MS. O número é solicitado ao Instituto Brasileiro de Informação Ciência e Tecnologia (IBICT), com custo fixo estabelecido pela instituição.
Por se tratar de uma aquisição, o processo de compra é feito pela área de licitação do Ministério e tem prazo variável, de acordo com as demandas a serem atendidas. Os recursos financeiros para a aquisição do número de ISSN são de responsabilidade da área demandante.

Londres terá agenda de encontros com editores

Autor:   Published At: Seg 26 de Mar, 2012 09:06 BRT  (2222 Leituras)

Também agendada para abril, a tradicional London Book Fair terá intensa agenda de encontros entre editores e o setor de internacionalização da Fundação Biblioteca Nacional. A feira, que acontece entre 16 e 18/04, terá palestras para mostrar como o mercado inglês pode traduzir autores brasileiros, com apoio da FBN.
Leitura para exportar o Brasil - Com inédito programa de tradução e investimentos contínuos de R$12 milhões até 2020, a FBN tem estimulado o mercado internacional a traduzir autores do Brasil – o que resulta em maior interesse pelos costumes e turismo em terras brasileiras. Nos primeiros meses de 2011, mais de 14 países começaram a publicar autores brasileiros dentro do Programa, entre eles Alemanha, Bulgária, Croácia, Espanha, França, Holanda, Itália, Irlanda, Reino Unido e Suécia.

Comitê Editorial Setorial

Autor:   Published At: Seg 26 de Mar, 2012 09:03 BRT  (2629 Leituras)

Você sabe o que é um Comitê Editorial Setorial?

É um grupo formado por membros das secretarias do Ministério da Saúde e das entidades vinculadas. Seu papel é discutir internamente a produção editorial da área, seguindo os princípios e diretrizes da Política Editorial do Ministério da Saúde. As funções dos Comitês Setoriais são:
• Atuar na promoção e na divulgação da Politica Editorial do Ministério da Saúde, zelando pelo seu cumprimento no âmbito dos órgãos e das unidades de sua competência;
• Consolidar, avaliar e aprovar as propostas editoriais de suas respectivas áreas por meio do Planejamento Editorial Integrado, submetendo-o ao Coned para validação;
• Acompanhar e avaliar a execução do Planejamento Editorial;
• Desenvolver e aperfeiçoar a capacidade institucional de atendimento às demandas editoriais;
• Estimular o estabelecimento de parcerias com outras instituições dos setores público ou privado.

Portal do Livro cria central de atendimento

Autor:   Published At: Qui 22 de Mar, 2012 10:46 BRT  (1893 Leituras)
O Portal do Livro da Fundação Biblioteca Nacional, que reúne editais voltados para bibliotecas públicas, criou uma central de atendimento para atender dúvidas sobre os editais do Programa de Ampliação e Atualização de Acervos das Bibliotecas de Acesso Público. Bibliotecas, pontos de venda, editores e distribuidores receberão orientações, de segunda a sexta, das 9h às 18h, nos telefones (51) 3254-3242, 3254-3243 ou 3254-3242. O e-mail editais2011 em bn.br também continua disponível para atendimento.

Contrato da Editora MS

Autor:   Published At: Qua 21 de Mar, 2012 10:04 BRT  (2528 Leituras)

Com a efetivação de um novo contrato, a Editora MS voltará a fornecer normalmente os serviços de editoração e de impressão de pequenas tiragens de materiais editoriais. A previsão é que os atendimentos comecem na primeira quinzena de abril. A normalização e a revisão continuam disponíveis, agora com a equipe reforçada, podendo atender com mais agilidade todas as demandas.
Para solicitar os serviços de normalização, revisão e editoração, o fluxo continua o mesmo. A solicitação deve ser feita por meio do envio da Ficha de solicitação (disponível no site www.saude.gov.br/editora)(external link) para a Editora MS, devidamente preenchida e assinada pelos responsáveis pela demanda, que são o secretário ou o conselheiro da área no Coned. Esses serviços serão oferecidos sem a necessidade de recurso financeiro das áreas demandantes.
Quanto ao serviço de impressão digital de pequenas tiragens, há necessidade de descentralização de recursos da área demandante. Portanto, além do envio da Ficha de solicitação, a área receberá da Editora MS um documento com o valor da impressão do material solicitado.

PROLER forma novos mediadores de leitura

Autor:   Published At: Qua 14 de Mar, 2012 10:45 BRT  (2236 Leituras)
Coordenadores de 70 comitês do Programa Nacional de Incentivo à Leitura (PROLER) estiveram no Rio de Janeiro, entre 05 e 08/03, para fechar as últimas etapas do projeto "Formação de Mediadores de Leitura", aplicado em todas as regiões do Brasil. As atividades aconteceram na Casa da Leitura, sede do PROLER, em Laranjeiras. Os coordenadores participaram de um curso para elaboração de projetos e captação de recursos na área da leitura; e outro voltado para a elaboração de relatórios de atividades. O encontro integra uma série de ações, que ocorrerão ao longo do ano em comemoração aos 20 anos do PROLER.

Produtos Editoriais VI

Autor:   Published At: Ter 13 de Mar, 2012 15:01 BRT  (1647 Leituras)

Você sabe o que é livro eletrônico?

Para terminar a série sobre produtos editorias, apresentaremos a definição de livro eletrônico.
O livro eletrônico ou e-book é um livro disponibilizado em suporte digital. Pode ser encontrado em diversos formatos, como html, pdf, doc, epub para visualização em tela de computador ou dispositivos eletrônicos como smartphone, e-reader, tablet, etc.
É importante frisar que há diferença entre disponibilizar e publicar em meio digital.
Para fins de registro de ISBN na Biblioteca Nacional, o livro recebe um número para cada suporte em que é publicado. Por exemplo, um livro impresso transformado em PDF e inserido na internet – como as obras expostas na Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde (BVS MS) – não foi publicado em meio digital, e sim disponibilizado na internet. Portanto, não recebe outro ISBN, mas também é considerado um e-book.
Outra situação refere-se a um livro impresso que tenha seu layout diferenciado e divulgado em meio eletrônico. Nesse caso, recebe um número diferenciado de ISBN, devido à mudança de suporte em que o mesmo título foi publicado.

Produtos Editoriais VI

Autor:   Published At: Ter 13 de Mar, 2012 15:01 BRT  (1922 Leituras)

Você sabe o que é livro eletrônico?

Para terminar a série sobre produtos editorias, apresentaremos a definição de livro eletrônico.
O livro eletrônico ou e-book é um livro disponibilizado em suporte digital. Pode ser encontrado em diversos formatos, como html, pdf, doc, epub para visualização em tela de computador ou dispositivos eletrônicos como smartphone, e-reader, tablet, etc.
É importante frisar que há diferença entre disponibilizar e publicar em meio digital.
Para fins de registro de ISBN na Biblioteca Nacional, o livro recebe um número para cada suporte em que é publicado. Por exemplo, um livro impresso transformado em PDF e inserido na internet – como as obras expostas na Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde (BVS MS) – não foi publicado em meio digital, e sim disponibilizado na internet. Portanto, não recebe outro ISBN, mas também é considerado um e-book.
Outra situação refere-se a um livro impresso que tenha seu layout diferenciado e divulgado em meio eletrônico. Nesse caso, recebe um número diferenciado de ISBN, devido à mudança de suporte em que o mesmo título foi publicado.

Produtos Editoriais VI

Autor:   Published At: Ter 13 de Mar, 2012 15:01 BRT  (1435 Leituras)

Você sabe o que é livro eletrônico?

Para terminar a série sobre produtos editorias, apresentaremos a definição de livro eletrônico.
O livro eletrônico ou e-book é um livro disponibilizado em suporte digital. Pode ser encontrado em diversos formatos, como html, pdf, doc, epub para visualização em tela de computador ou dispositivos eletrônicos como smartphone, e-reader, tablet, etc.
É importante frisar que há diferença entre disponibilizar e publicar em meio digital.
Para fins de registro de ISBN na Biblioteca Nacional, o livro recebe um número para cada suporte em que é publicado. Por exemplo, um livro impresso transformado em PDF e inserido na internet – como as obras expostas na Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde (BVS MS) – não foi publicado em meio digital, e sim disponibilizado na internet. Portanto, não recebe outro ISBN, mas também é considerado um e-book.
Outra situação refere-se a um livro impresso que tenha seu layout diferenciado e divulgado em meio eletrônico. Nesse caso, recebe um número diferenciado de ISBN, devido à mudança de suporte em que o mesmo título foi publicado.

Produtos Editoriais VI

Autor:   Published At: Ter 13 de Mar, 2012 15:01 BRT  (2263 Leituras)

Você sabe o que é livro eletrônico?

Para terminar a série sobre produtos editorias, apresentaremos a definição de livro eletrônico.
O livro eletrônico ou e-book é um livro disponibilizado em suporte digital. Pode ser encontrado em diversos formatos, como html, pdf, doc, epub para visualização em tela de computador ou dispositivos eletrônicos como smartphone, e-reader, tablet, etc.
É importante frisar que há diferença entre disponibilizar e publicar em meio digital.
Para fins de registro de ISBN na Biblioteca Nacional, o livro recebe um número para cada suporte em que é publicado. Por exemplo, um livro impresso transformado em PDF e inserido na internet – como as obras expostas na Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde (BVS MS) – não foi publicado em meio digital, e sim disponibilizado na internet. Portanto, não recebe outro ISBN, mas também é considerado um e-book.
Outra situação refere-se a um livro impresso que tenha seu layout diferenciado e divulgado em meio eletrônico. Nesse caso, recebe um número diferenciado de ISBN, devido à mudança de suporte em que o mesmo título foi publicado.

Cadastro [toggle]

Para maiores informações sobre o Coned e/ou para solicitar seu registro, por favor encaminhe e-mail para Setec.coned@saude.gov.br com seu nome completo, e-mail, telefone, área/instituição.